Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Adepto do Vasco da Gama morto a tiro

Jovem terá sido atingido pela polícia no Rio de Janeiro.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 10 de Julho de 2017 às 08:41
Morto a tiro adepto do Vasco da Gama
Confrontos após dérbi Vasco da Gama -Flamengo
Morto a tiro adepto do Vasco da Gama
Confrontos após dérbi Vasco da Gama -Flamengo
Morto a tiro adepto do Vasco da Gama
Confrontos após dérbi Vasco da Gama -Flamengo
Cenas de enorme violência, durante e após o jogo entre o Vasco da Gama e o Flamengo, no Rio de Janeiro, Brasil, terminaram com um morto, dezenas de feridos, entre espectadores e polícias, e um rasto de destruição. David Rocha Lopes, 27 anos, adepto do Vasco, foi atingido por um tiro. Morreu a caminho do hospital.

Eletricista de profissão, foi baleado, aparentemente, pela polícia, que tentava conter a multidão enfurecida, à saída do Estádio São Januário, casa do Vasco, após o encontro.

Revoltados com a derrota (1-0) frente ao rival Flamengo, os vascaínos saíram do estádio e atacaram a polícia com garrafas, paus, ferros e pedras, enquanto os agentes respondiam a tiro e com gás lacrimogéneo.

A violência começou ainda no São Januário. Após a anulação de um golo do Vasco, adeptos do clube dispararam foguetes para dentro do campo, obrigando a polícia a intervir.

Nem a bancada de imprensa escapou à fúria dos adeptos. A claque do Flamengo foi mantida horas dentro do estádio, até poder sair em segurança.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)