Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

“Adeus, não consigo respirar. Desculpa”: SMS de vietnamita deu o alerta

Condutor do 'camião do horror' foi formalmente acusado de homicídio, no Reino Unido.
Francisco J. Gonçalves 27 de Outubro de 2019 às 09:40
'Camião do horror' foi largado num parque industrial em Grays, no Reino Unido
Pham Tra My despediu-se da família por SMS
Nguyen está desaparecido
'Camião do horror' foi largado num parque industrial em Grays, no Reino Unido
Pham Tra My despediu-se da família por SMS
Nguyen está desaparecido
'Camião do horror' foi largado num parque industrial em Grays, no Reino Unido
Pham Tra My despediu-se da família por SMS
Nguyen está desaparecido
O condutor do camião encontrado na quarta-feira em Grays, 32 km a leste de Londres, com 39 cadáveres no contentor frigorífico, foi este sábado acusado formalmente de homicídio, tráfico de seres humanos, apoio à imigração ilegal e lavagem de dinheiro. A acusação surge no dia em que as primeiras pistas sobre a nacionalidade das vítimas apontam para que sejam vietnamitas e não chinesas, como se pensava.

O alerta foi dado pelos pais de uma vietnamita de 26 anos, que na terça-feira receberam um perturbador SMS de despedida. "Peço muita desculpa, mãe e pai, a minha viagem correu mal. Estou a morrer, não consigo respirar. Amo-vos muito." Esta mensagem de Pham Thi Tra My levou os pais a alertarem as autoridades quando souberam do camião de Grays.

Os pais de Nguyen Dinh Gia, de 20 anos, deram igualmente o alerta, seguidas de outras famílias vietnamitas, levando as autoridades britânicas a deixar em aberto a nacionalidade das vítimas. Contudo, a polícia britânica alerta que o camião encontrado é um entre dezenas de outros que neste preciso momento poderão estar a transportar migrantes ilegais, pelo que não há certezas de que os jovens estejam entre as vítimas de Grays.

O condutor do camião, Maurice Robinson, de 25 anos, é, para já, o único acusado. Um casal, de 38 anos, últimos proprietários conhecidos do camião, e um homem de 48, todos detidos na sexta-feira, continuavam este sábado sob custódia policial.
Grays Londres questões sociais interesse humano crime lei e justiça pessoas crime polícia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)