Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

África enfrenta terceira vaga da pandemia de Covid-19

Fase é mais “agressiva” que as anteriores.
Correio da Manhã 13 de Junho de 2021 às 16:22
África
África FOTO: Getty Images

A terceira vaga da pandemia já está a ocorrer no continente africano de forma "agressiva", afirma o diretor do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana. A falta de vacinas aliada à variante indiana são as responsáveis pelo aumento de casos na região. 

Cerca de 13 dos 55 estados-membros da União Africana já registaram esta nova variante, incluindo o Quénia, Uganda, África do Sul, Marrocos e Nigéria. 

De acordo com o Jornal de Angola, a Organização Mundial de Saúde (OMS) informou que "no ritmo atual, apenas sete das 54 nações soberanas da região (sem contar com o Saara Ocidental) alcançariam a meta de vacinar 10% da sua população até Setembro, a menos que África receba mais 225 milhões de doses". 

Matshidiso Moeti, a responsável da OMS pelo continente firmou ainda que "é uma questão de vida ou morte para a África" adquirir mais vacinas, nem que seja através da partilha das mesmas entre uniões. 

O continente ultrapassou no passado sábado os cinco milhões de infetados, com 384 mortes nas últimas 24 horas, o que perfaz um total de 134239 mortos desde o início da pandemia. 

Até ao momento já foram vacinados 2% da população do continente e o objetivo é aumentar para os 60%.  

África do Sul União Africana OMS questões sociais organizações internacionais Vacinas Pandemia Covid-19
Ver comentários