Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Al-Qaeda nega responsabilidade

O braço armado da organização terrorista al-Qaeda no Iraque desmentiu qualquer envolvimento no atentado suicida que ontem matou 27 pessoas em Bagdad, a maioria crianças.
14 de Julho de 2005 às 14:37
"Declaramos que não somos de todo responsáveis pelo ataque de quarta-feira em Bagdad. O nosso estilo é conhecido - combater os inimigos de Deus, os cruzados e os seus seguidores na polícia e no exército", lê-se no comunicado emitido pelo grupo terrorista na Internet.
No mesmo comunicado, o grupo terrorista indica que o seu comandante no terreno, o jordano Abu Musab al-Zarqawi, "tem uma preocupação extrema em evitar vítimas civis" e que é ele quem planeia e dirige todos os ataques da al-Qaeda no Iraque.
Ontem, um bombista suicida detonou uma viatura armadilhada junto a um veículo blindado norte-americano, em Bagdad, no preciso momento em que os soldados distribuiam rebuçados a crianças.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)