Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Alemanha: Merkel e União Africana exigem retirada de Kadhafi

A chanceler alemã, Angela Merkel, e o presidente da comissão da União Africana (UA), Jean Ping, exigiram esta terça-feira em conjunto a retirada do líder líbio Muammar Kadhafi.
5 de Julho de 2011 às 15:26
Angela Merkel, Líbia, solução, retirada, Kadhafi
Angela Merkel, Líbia, solução, retirada, Kadhafi FOTO: Agência

Merkel advogou "uma solução para que Kadhafi deixe de dirigir os destinos da Líbia".

Ping concordou com a necessidade de afastar Kadhafi, mas acrescentou que a decisão cabe ao povo líbio.

A UA recomendou recentemente aos países membros que ignorem o mandado de captura contra Kadhafi emitido pelo Tribunal de Direito Internacional de Haia.

"São os líbios que têm de decidir quem é aceitável e quem não é", sublinhou o político africano, após uma reunião com Merkel na chancelaria federal, em Berlim.

Simultaneamente, Ping exigiu uma solução política para o conflito líbio, afirmando que "todas as outras soluções serão de natureza provisória".

Angela Merkel, que na próxima semana visita o Quénia, Angola e a Nigéria, disse ainda que a UA, que tem 53 estados membros, quase o dobro da União Europeia "tem muitos problemas complicados para resolver".

Noutra passagem da sua intervenção, a chanceler alemã louvou os "claros progressos alcançados" no continente africano, prometendo que a Alemanha continuará a apoiar os esforços em prol da democracia e da melhoria das condições de vida das populações.

Angela Merkel Líbia solução retirada Kadhafi
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)