Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

"Ando em cadeira de rodas o dia todo mas posso acompanhar-te a noite toda": Tinder remove biografia polémica de jovem

Apesar da censura da aplicação, no Twitter os fãs elogiaram o sentido de humor do adolescente.
Correio da Manhã 8 de Outubro de 2019 às 12:59
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual
Tinder remove biografia de jovem de cadeira de rodas por ter conteúdo sexual

Um adolescente incapacitado, que se desloca em cadeira de rodas, criou um perfil no Tinder e no seu perfil escreveu uma frase polémica. A aplicação para encontros românticos censurou a biografia do jovem por ser de "conteúdo sexual" mas os seus seguidores no Twitter classificaram a brincadeira como "genial".

Niall Taylor, um jovem de Sunderland, Inglaterra, sofre de distrofia muscular congénita e está confinado a uma cadeira de rodas.

Ao criar o seu perfil no Tinder - aplicação de localização de pessoas para encontros românticos online, localizando as pessoas geograficamente próximas – demonstrou o seu sentido de humor. "Ando numa cadeira de rodas o dia todo, mas vou acompanhar-te a noite toda", escreveu Taylor na biografia, acrescentando um emoji a piscar o olho.

Embora a aplicação tenha uma reputação de facilitar relacionamentos mais casuais, a frase inscrita na biografia do adolescente foi removida e este partilhou no Twitter uma captura de ecrã da mensagem que recebeu quando a frase foi censurada.

"Parece que os meus dias no Tinder acabaram", disse Niall na publicação.

Mais de 18000 pessoas puseram 'gosto' na publicação que se encheu de comentários maioritariamente a elogiar o sentido de humor do jovem e a recriminar a censura da aplicação.

De acordo com as diretrizes do Tinder, os usuários devem manter seus perfis "elegantes e adequados ao consumo público". 

Tinder Niall Taylor Twitter censura adolescente jovem Inglaterra redes sociais aplicações.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)