Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Arábia Saudita detém 88 pessoas no âmbito de missão de combate ao terrorismo

Al-Qaida e 'jihadistas' do Estado Islâmico considerados o 'inimigo número um' do Islão.
2 de Setembro de 2014 às 17:04
Arábia Saudita detém presumíveis terroristas
Arábia Saudita detém presumíveis terroristas FOTO: iStockphoto

A Arábia Saudita deteve 88 presumíveis extremistas, mais de metade dos quais ex-prisioneiros pertencentes à al-Qaida que tinham sido libertados, anunciou esta terça-feira o ministério do Interior.

As detenções ocorreram no âmbito da missão do reino árabe para "castigar" aqueles "que pertencem ou apoiam" grupos classificados como terroristas, acrescentou o ministério, numa nota divulgada pela agência de notícias oficial SPA.

O rei saudita, Abdullah, sublinhou na sexta-feira a ameaça que colocam os 'jihadistas' se não houver uma "atuação rápida". Esta terça-feira, o ministério do Interior indicou que os suspeitos, detidos nos últimos meses em todo o reino, são todos sauditas exceto três iemenitas e um cuja identidade continua "desconhecida".

Arábia Saudita detém pessoas missão combate terrorismo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)