Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Argentina: Bebé baleada sobrevive três dias sozinha

Uma bebé de apenas 7 meses sobreviveu sozinha durante três dias após ser baleada pelos próprios pais que fizeram um pacto de sangue e decidiram matar a família toda e suicidarem-se em seguida para se 'prevenirem' contra o aquecimento global.
2 de Março de 2010 às 11:58
Foto ilustrativa
Foto ilustrativa FOTO: D.R.

A notícia que chocou a Argentina aconteceu na quinta-feira na cidade de Goya. A imprensa internacional diz que a menina foi encontrada pelas autoridades banhada numa poça de sangue e desidratada mas como a bala não atingiu nenhum órgão vital, neste momento encontra-se estável e a recuperar favoravelmente no hospital.

Os vizinhos do casal, ele com 56 anos e ela com 23 anos chamaram as autoridades quando se aperceberam de um cheiro intenso e ausência da barulho na casa desta família. O cenário era terrível: o casal tinha-se suicidado e tinha matado o filho de dois anos. Apenas a menina estava viva.

Assim que a menina recuperar completamente deverá ser entregue ao cuidado dos avós maternos que nesta tragédia perderam a filha de 23 anos e o neto com apenas dois anos.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)