Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3
Ao minuto Atualizado às 22:18 | 07/11

"Ganhei com 71 milhões de votos legais": Trump volta às queixas no Twitter

Acompanhe ao minuto os acontecimentos da eleições presidenciais norte-americanas nas redes sociais.
Correio da Manhã 1 de Outubro de 2020 às 10:11
Kamala Harris e Joe Biden apelam à união
Kamala Harris e Joe Biden apelam à união FOTO: Reuters
Ao minuto Atualizado a 7 de nov de 2020 | 22:18
22:14 | 07/11
Donald Trump, manifestou-se sobre a vitória do democrata Joe Biden nas presidenciais dos Estados Unidos, passado mais de cinco horas do anúncio. 

Trump continua a rejeitar a derrota afirmando que houve ilegalidades e que "aconteceram coisas que os observadores não conseguiram ver". 

O ainda presidente dos EUA realça: "Ganhei com 71 milhões de votos legais. O maior número de sempre para um presidente em exercício".
21:43 | 07/11
A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, felicitou Joe Biden "calorosamente" pelo anúncio da vitória nas eleições presidenciais norte-americanas, garantindo que Bruxelas está "pronta a intensificar a cooperação com a nova administração".

"Felicito calorosamente Joe Biden pela sua vitória nas eleições presidenciais dos Estados Unidos e espero encontrá-lo o mais cedo possível", indicou Ursula von der Leyen.


21:42 | 07/11
O chefe da diplomacia da União Europeia, Josep Borrell, considerou que a vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais dos EUA representa "um grande dia para os Estados Unidos e a Europa".

"Felicito calorosamente o presidente eleito, Joe Biden, e a vice-presidente, Kamala Harris. A afluência dos eleitores expressa a vontade de mudança do povo americano", escreveu Borrell numa publicação no Twitter.

19:27 | 07/11
A líder da Câmara dos Representantes, a democrata Nancy Pelosi, felicitou Joe Biden pela sua anunciada eleição como Presidente dos Estados Unidos da América, considerando que a república foi salva.

"Assegurámos a república", afirmou Nancy Pelosi, que reagiu na rede social Twitter ao anúncio da imprensa americana da vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais americanas.

Na mesma mensagem, a líder da Câmara dos Representantes felicitou Joe Biden por uma vitória "pela alma do país" e Kamala Harris, candidata a vice-presidente, por "fazer História".

<blockquote class="twitter-tweet"><p lang="en" dir="ltr">We kept the republic! Congratulations to Joe Biden on his victory for the soul of our country. Congratulations to Kamala Harris for making history. It’s a time to heal and a time to grow together. E Pluribus Unum.</p>&mdash; Nancy Pelosi (@SpeakerPelosi) <a href="https://twitter.com/SpeakerPelosi/status/1325126099718770689?ref_src=twsrc%5Etfw">November 7, 2020</a></blockquote> <script async src="https://platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>

18:15 | 07/11
O primeiro-ministro português, António Costa, felicitou, o novo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden e manifestou o seu desejo de que, em breve, possam trabalhar em conjunto.

"Espero que em breve possamos trabalhar no reforço das relações transatlânticas e na gestão de assuntos globais, como as alterações climáticas2, diz António Costa, no Twitter.

18:00 | 07/11
Kamala Harris, a primeira mulher eleita vice-presidente dos Estados Unidos, usou o Twitter para se manifestar sobre a vitória de Joe Biden como o novo presidente norte-americano. 

"Nós conseguimos", diz Kamala para Joe Biden, num vídeo descontraído partilhado pela nova vice-presidente dos EUA. 


11:08 | 06/11
Com várias publicações na rede social Twitter a serem bloqueadas e sinalizadas como veiculando conteúdos "contestáveis" e que podem conter "informações incorretas", Donald Trump lança um ataque à rede social: "O Twitter está fora de controlo".

14:37 | 05/11
A perder a liderança em alguns estados, Donald Trump voltou à rede social Twitter e, em resposta ao apelo de Joe Biden para que todos os votos sejam contados, pediu se que se pare a contagem.
13:55 | 05/11
O candidato democrata, Joe Biden, publicou um vídeo no Twitter em que apela a que todos os votos sejam contados.

20:13 | 03/11
Biden e Kamala mostram união no derradeiro dia das eleições nos EUA. "Vamos fazer história", garantiu o candidato Democrata, com uma imagem de mãos dadas com a sua vice-presidente.

20:11 | 03/11
Trump agradece o apoio que chega dos quatro cantos do Mundo. "Uma parada para mim na Nigéria. Que honra!", escreveu nas redes sociais.

20:09 | 03/11
Mike Pence, vice de Trump, apela ao voto e pede mais quatro anos de administração do atual presidente.

20:07 | 03/11
Kamala Harris apelou ao voto de forma emocionada: "Um dia os nossos filhos e netos vão olhar para nós e perguntar o que fizemos neste momento".

09:57 | 03/11
O Presidente dos Estados Unidos apelou esta terça-feira ao voto nas presidenciais com um vídeo de dois minutos em que mostra fragmentos das danças que protagonizou nos seus comícios ao som da popular canção "YMCA" do grupo Village People.
09:36 | 02/11
Biden também não limpa 'armas' nas últimas horas de campanha a responde aos ataques de Trump nas redes sociais.

"A resposta de Donald Trump à Covid-19 é o maior falhanço de liderança presidencial na história da nossa nação", considerou o democrata.


09:34 | 02/11
Donald Trump usou as redes sociais para, a um dia das eleições, criticar as 'companhias' de Biden no último sprint da campanha eleitoral.

"Ouvi dizer que o Joe Dorminhoco esta a fazer campanha na Pennsylvania com a Lady Gaga, membro orgulhoso dos 'Artistas contra o fracking [fraturação hidráulica para exploração de petróleo]'. Mais uma prova de que vai banir o fracking e fazer os preços da energia disparar", escreveu no Twitter.


16:03 | 27/10
"É a nossa oportunidade de abandonar a escuridão, a política da raiva dos últimos quatros anos. É altura de nos unirmos por este país e isso começa o seu voto".


10:24 | 27/10

"Não haverá petróleo, não haverá armas, não haverá Deus": Trump apelou ao voto presencial nas eleições, reforçando ser o presidente de que a América precisa.



20:11 | 25/10

Biden troca elogios com Obama

Obama demonstrou apoio a Joe Biden e não poupou críticas à atual administração Trump na sua participação num comício na Florida.

Biden retribuiu os elogios do ex-presidente: "Barack Obama foi um presidente que as nossas crianças podem admirar", escreveu o candidato democrata no Twitter.
11:38 | 23/10
O candidato democrata, Joe Biden, cometeu uma gafe durante o debate presidencial desta quinta-feira frente a Donald Trump.

Biden trocou o nome do grupo extremista Proud Boys por 'Poor Boys' e a internet não perdoou.

A rede social Twitter encheu-se de memes, comentários e sátiras no momento mais viral do último debate.

01:31 | 21/10
Trump proveitou novamente para lançar 'farpas' a Biden a dois dias do último debate antes da corrida às presidenciais dos EUA.

O presidente da Casa Branca reforçou que "todos deviam ser capazes de comparar esta intrusão eleitoral com as recentes intervistas aborrecidas de Joe Biden".

 
23:27 | 20/10
O filho de Donald Trump difundiu uma fotografia adulterada dos músicos Ice Cube e 50 Cent a apoiar a campanha do pai nas redes sociais.

Momentos mais tarde, apagou a fotografia, mas já corriam os 'prints' pela Internet.
15:17 | 19/10
A 15 dias das eleições nos EUA, Kama Harris fez um apelo ao voto nas redes sociais: "Lembrem-se: na maioria dos estados todos os dias são Dia de Eleição. Façam planos e votem cedo", aconselhou a candidata democrata à vice-presidência.

View this post on Instagram

Only 15 days until Election Day. Remember: in most states, every day is Election Day. Make a plan and vote early.

A post shared by Kamala Harris (@kamalaharris) on

15:11 | 19/10
"Donald Trump é o pior presidente da história dos EUA em termos de emprego": foi assim que Biden atacou o adversário e mostrou a evolução do número de postos de emprego criados nos mandatos dos últimos presidentes dos EUA.

Na campanha feita, e que corre já nas redes sociais, Joe Biden assegura que, durante o mandato de Donald Trump na Presidência dos Eua, já se perderam cerca de quatro milhões de empregos.

15:10 | 19/10
Donald Trump celebrou a multidão que o recebeu num comício no estado do Nevada, onde não se viu muito distanciamento entre os participantes e até algumas pessoas sem máscara.

<blockquote class="twitter-tweet"><p lang="en" dir="ltr">THANK YOU NEVADA! <a href="https://t.co/WCfXKZ1Vpu">https://t.co/WCfXKZ1Vpu</a></p>&mdash; Donald J. Trump (@realDonaldTrump) <a href="https://twitter.com/realDonaldTrump/status/1317993872643870720?ref_src=twsrc%5Etfw">October 19, 2020</a></blockquote> <script async src="https://platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>
00:08 | 18/10
Joe Biden partilhou este sábado na rede social Instagram um "projeto" de um apoiante que desenhou as letras do nome do candidato democrata em abóboras, um símbolo máximo da famosa festividade do Halloween, celebrada com grande efusão nos EUA. Na imagem é possível ver cinco abóboras dividas pelas escadas exteriores de uma casa.


Ver esta publicação no Instagram

This pumpkin project from a supporter is really gourd-geous. Thank you for being on #TeamJoe!

Uma publicação partilhada por Joe Biden (@joebiden) a

23:00 | 16/10
A cantora latina Jennifer Lopez e o companheiro Alex Rodriguez manifestaram já o seu apoio ao candidato democrata Joe Biden para as eleições do próximo dia 3 de novembro.
10:20 | 15/10
Correio da Manhã
Donald Trump contratulou o jornal New York Post pela investigação publicada que denuncia trocas de emails de Hunter Biden, filho de Joe Biden, no qual este revela que tentava obter benefícios pessoais com negócios lucrativos, alguns dos quais a envolver uma das maiores empresas privadas da China.

"Parabéns ao @nypost por terem exposto a corrupção massiva que está à volta de Sleepy Joe Biden no nosso país. Ele sempre foi um político corrupto. Uma desgraça!", escreveu o atual presidente dos EUA.

<blockquote class="twitter-tweet"><p lang="en" dir="ltr">Congratulations to the <a href="https://twitter.com/nypost?ref_src=twsrc%5Etfw">@nypost</a> for having exposed the massive corruption surrounding Sleepy Joe Biden and our Country. He’s always been a corrupt politician. Disgraceful!</p>&mdash; Donald J. Trump (@realDonaldTrump) <a href="https://twitter.com/realDonaldTrump/status/1316580278568022016?ref_src=twsrc%5Etfw">October 15, 2020</a></blockquote> <script async src="https://platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>
19:09 | 12/10
Donald Trump recorreu esta segunda-feira ao Twitter para lançar um ataque às lideranças de Biden e Obama que lhe proporcionaram a hipótese de 'hoje' estar no cargo de presidente dos EUA.
09:18 | 08/10
Já Joe Biden 'satirizou' o momento que está a marcar o debate entre Mike Pence e Kamala Harris, os vice-candidatos. Uma mosca pousou durante mais de dois minutos na cabeça de Pence, gerando um grande burburinho nas redes sociais.

O candidato democrata aproveitou a demanda para pôr à venda na sua loja oficial um mata-moscas com o slogan "Truth Over Flies" (em português "Verdade sobre Moscas").

09:14 | 08/10

Após o confronto que juntou em televisão os dois candidatos à vice-presidência dos EUA - Mike Pence e Kamala Harris - Donald Trump utilizou o Twitter para parabenizar o seu braço direito.

"Mike Pence ganhou em grande!", escreveu o atual presidente dos EUA.


01:01 | 08/10
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse esta quarta-feira que contrair a Covid-19 foi uma "bênção de Deus" e garantiu que isso ajudará a "curar" outros norte-americanos, apesar de o próprio ainda não ter superado a doença.


12:32 | 07/10
O candidato democrata, Joe Biden, mostra-se entusiasmado com o debate desta noite entre a candidata a vice-presidente, Kamala Harris, e Mike Pence, atual vice-presidente de Donald Trump.
16:55 | 06/10
O Presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou esta terça-feira que tenciona participar no debate eleitoral com o candidato democrata na corrida à Casa Branca, Joe Biden, no próximo dia 15, depois de ter tido alta do internamento por covid-19.
00:48 | 06/10
O presidente norte-americano deixou, esta segunda-feira, o hospital Walter Reed, onde esteve três dias internado com a Covid-19. 

Will be back on the Campaign Trail soon!!! The Fake News only shows the Fake Polls.

— Donald J. Trump (@realDonaldTrump) October 5, 2020
19:55 | 05/10
Donald Trump anunciou este domingo que vai ter alta hospital do Walter Reed Medical Center ainda esta noite.

16:55 | 05/10
Correio da Manhã

A Secretária de Imprensa da Casa Branca, Kayleigh McEnany divulgou, esta segunda-feira, no Twitter que testou positivo à Covid-19.


15:59 | 05/10
Melania Trump recorreu esta segunda-feira ao Twitter para anunciar que está bem e a recuperar em casa da infeção por Covid-19.


15:59 | 04/10
O diretor de comunicação da Casa Branca e assessor de Donald Trump agradeceu aos apoiantes do presidente dos EUA.
15:12 | 03/10
O Presidente chinês, Xi Jinping, desejou uma "rápida recuperação" ao seu homólogo norte-americano, Donald Trump, e à sua mulher, Melanie Trump, depois de ambos testarem positivo para o novo coronavírus.

"A minha mulher, Peng Liyuan, e eu expressamos a nossa solidariedade e esperamos que [Donald e Melania Trump] recuperem rapidamente", disse Xi na sua mensagem ao casal presidencial dos Estados Unidos.
15:11 | 03/10
O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, desejou uma "rápida recuperação" ao Presidente dos Estados Unidos da América (EUA), Donald Trump, e sua mulher Melania e disse esperar que possam recuperar da covid-19.

"Obviamente, todos lhe desejamos tudo de bom e espera uma rápida recuperação e não tenho dúvidas de que fará e terá uma boa recuperação", insistiu.
15:09 | 03/10
A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, desejou uma "rápida recuperação" ao Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e à sua mulher, Melania, ambos infetados por covid-19.

"É claro que desejo ao Presidente dos Estados Unidos e à primeira-dama votos de uma rápida recuperação", afirmou a governante neozelandesa aos jornalistas.
10:33 | 03/10
A China desejou ao Presidente dos Estados Unidos e à sua mulher, Melania Trump, que testaram positivo à covid-19, uma "recuperação rápida".

"É triste saber que o presidente e a primeira dama dos Estados Unidos tiveram um teste positivo. Espero que ambos recuperem rapidamente e fiquem bem", escreveu o porta-voz principal do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês, Hua Chunying, no Twitter.
10:30 | 03/10
O líder norte-coreano, Kim Jong-un, enviou uma mensagem ao Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que testou positivo à covid-19, desejando-lhe que recupere "o mais rápido possível".

Kim Jong-un "manifestou a sua solidariedade ao Presidente e à primeira-dama".
10:29 | 03/10
O antigo Presidente dos Estados Unidos Barack Obama enviou na sexta-feira os "melhores votos" de recuperação ao seu sucessor, o republicano Donald Trump, que foi hospitalizado depois de ter testado positivo à presença do novo coronavírus.

"Embora estejamos no meio de uma grande luta política e a levemos muito a sério, também queremos enviar os nossos melhores votos ao Presidente dos Estados Unidos e à primeira-dama", disse o democrata Obama, citado pela agência France-Presse (AFP).
18:57 | 02/10
O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), múltiplas vezes acusado por Trump de mentir em relação à gravidade Covid-19 e de conspiração com a China, desejou a recuperação ao presidente e primeira-dama dos EUA:

18:54 | 02/10
O jornal China Daily, detido pelo estado, aproveitou a oportunidade para lançar 'farpas' a Donald Trump: "O teste positivo é outro lembrete que o coronavírus continua a espalhar-se, ainda que Trump tenha tentado sugerir desesperadamente que já não é uma ameaça":

18:51 | 02/10
O presidente da Turquia, Erdogan, também desejou rápidas melhoras ao casal Trump:

18:48 | 02/10
O secretário-geral da ONU, António Guterres, disse nas redes sociais que os seus pensamentos estão com Donald e Melania Trump, assim como "todos aqueles que estão infetados com a Covid-19".


18:46 | 02/10
O jornalista inglês Piers Morgan, que defendeu Trump em várias ocasiões, partilhou as capas dos jornais ingleses, afirmando que a notícia "poderá ter ramificações em todo o Mundo"

18:43 | 02/10
A assessora de imprensa da Casa Branca Kayleigh McEnany disse que "a forma do país inteiro está com o presidente":

18:42 | 02/10
Ivanka, filha de Donald Trump, também reagiu à notícia do pai doente com Covid-19: "O presidente vai continuar a lutar pelas pessoas deste grande país", afirmou.

18:40 | 02/10
Benjamin Netanyahu, primeiro ministro israelita, também desejou "aos amigos" Melania e Donald "uma rápida recuperação":


18:37 | 02/10
O concorrente de Trump na corrida às presidenciais, Joe Biden, referiu que ele e a mulher, Jill, desejam as rápidas melhoras do presidente e da sua família:



Biden anunciou depois que não está infetado com o novo coronavírus, após ter estado em contacto com Donald Trump no polémico primeiro debate presidencial:

18:33 | 02/10
O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, disse que "milhoes por toda a América rezam pela rápida e completa recuperação" de Trump e Melania:

18:32 | 02/10
Crítico de Trump e marido de Kellyanne Conway, polémica ex-conselheira do presidente norte-americano, George Conway afirmou que Trump "falhou a proteger o país", dizendo que "nem se conseguiu proteger a ele mesmo".

18:28 | 02/10
O primeiro-ministro britânico Boris Johnson desejou "rápidas melhoras" ao casal Trump:


18:26 | 02/10
Horas mais tarde, também Melania Trump confirmou estar doente com Covid-19 nas redes sociais. No entretanto seguiram-se mensagens de apoio e reações de todo o mundo à notícia. A primeira dama disse estar com "sintomas ligeiros" da doença.




18:24 | 02/10
Foi no twitter que caiu a 'bomba' que agitou todo o mundo. Donald Trump anunciou estar infetado com o novo coronavírus. A mulher Melania, segundo o presidente, está também doente com Covid-19.

19:44 | 30/09

Depois, brincou com a situação em que, após ter sido interrompido várias vezes por Donald Trump, o mandou calar. "Já tiveram que chegue?", questiona no Twitter:

19:43 | 30/09

No final do debate, Joe Biden criticou nas redes sociais o facto de Trump não ter condenado os grupos supremacistas brancos de extrema-direita durante o confronto entre os dois e partilhou um vídeo do momento.

19:42 | 30/09
Logo depois, Trump voltou ao ataque e voltou a referir-se ao problema dos votos pelo correio, nomeadamente ao caso de Nova Iorque, em que tiveram que ser reenviados 100 mil boletins de voto, uma vez que os enviados tinham um erro de impressão. "O mayor e o governador não fazem ideia do que fazer. Grande fraude, não tem solução possível. Cancelem o voto por correio, saiam e votem, como em outras décadas, quando não havia problemas", escreveu.

 
19:41 | 30/09

Sobre o debate, Donald Trump considerou que o moderador "teve uma noite difícil". "Dois contra um não foi surpreendente, mas divertido. Muitos pontos importantes foram abordados, como atacar o Bernie, AOC PLUS 3, e o resto atirado aos lobos! A esquerda radical vai correr com o Joe Sonolento. Zero entusiasmo democrata, liderança fraca", considerou o presidente dos EUA.

19:40 | 30/09

No final do debate, Melania Trump, mulher do presidente dos EUA falou de...rosas. Sem tocar no tema da noite, a primeira-dama norte-americana anunciou que os jardins outonais da Casa Branca estão abertos a 17 e 18 de outubro e publicitou o seu Jardim de Rosas que foi duramente criticado por se parecer com "um cemitério"

19:38 | 30/09
Hillary Clinton considerou que "Trump não está a concorrer contra Joe Biden. Está a concorrer contra a nossa democracia". A ex-candidata presidencial pediu para os norte-americanos acorrerem às urnas: "Vamos pará-lo, juntos", escreveu no Twitter

19:37 | 30/09
Famosos e celebridades também não ficaram indiferentes ao debate. O ator e realizador Mark Ruffalo tem sido voz ativa em toda a campanha. Durante o debate, manifestou.se várias vezes nas redes sociais contra Trump e foi desmentido as afirmações do presidente norte-americano. No final, declarou Biden o "claro vencedor" do duelo e disse que Donald Trump é "o caos".

19:29 | 30/09

Já o músico Hozier foi voz ativa no momento em que foi pedido a Trump pelo moderador e por Biden que condenasse os supremacistas brancos. "Estejam a postos", disse ele. "Afastem-se e estejam a postos". Não condenou nada nem ninguém", escreveu o artista.

19:28 | 30/09

A cantora e atriz Bette Midler pediu a Biden para "tirar as luvas". "Dá-lhe uns bons golpes pelos 206 mil mortos e pelos vivos, por todos os soldados mortos que ele desrespeitou, por todas as pessoas inocentes que ele chamou de violadores, por Porto Rico, pela mulheres, pelo planeta, que arde em frente aos nossos olhos, e pelo futuro", escreveu no Twitter.

19:26 | 30/09

A cantora Lauren Jauregui, ex-Fifth Harmony, foi mais longe e criticou o sistema norte-americano. "Para ser honesta, nem estou a ver nada. Doir homens completamente incompetentes, incapacitados, a debaterem qual tem o maior ego. A política não vai salvar esta nação. Procurem organizações e associações locais e programas de ajuda mútua e ponham mãos à obra, se querem ver mudanças", aconselhou.

19:26 | 30/09

A cantora e compositora Sara Bareilles publicou uma imagem "do cérebro de Donald Trump ao microscópio", durante o debate:

19:25 | 30/09

O rapper 50 considerou que o debate foi "entretenimento no seu melhor":

19:24 | 30/09

O cantor John Legend, que apoiou Hillary contra Trump em 2016 e apoiante assumido do partido Democrata, considerou que Trump é "um caixote do lixo a arder". "Não podemos voltar a por-nos em mais quatro anos deste caixote do lixo a arder", escreveu o marido de Chrissy Teigen.

19:23 | 30/09

A atriz Jane Lynch criticou o moderador do debate, Chris Wallace. "Achava que este debate ia ter um moderador", escreveu a atriz de Glee.

19:22 | 30/09
O especialista em ciência política, o prof. Larry Sabarto, da Universidade de Virgínia, vai mais longe e pede mesmo que se "cancelem os restantes debates presidenciais". "É impossível ter uma conversa ordenada e produtiva com o Donald Trump. Parem de fingir o contrário", escreveu.

19:21 | 30/09
Jeff Flake, antigo senador republicano, também não ficou fascinado com a prestação do candidato do seu partido: "Somos um país melhor do que o que se mostrou esta noite"

19:17 | 30/09

A diretora da secção de Opinião do Washignton Post, Karen Attiah, considerou que "o debate é uma vergonha nacional".

19:16 | 30/09
O senador de Nova Jérsia, Corey Booker, que chegou a ser opositor de Biden para a nomeação do candidato democrata às presidenciais, foi particularmente crítico de Donald Trump. "Falhou para com este país com as suas mentiras, intolerância e liderança imprudente. Não podemos ter mais quatro anos de um presidente que diz aos supremacistas brancos que 'aguardem'".

19:15 | 30/09
Ronna McDaniel, presidente do Comité Nacional Republicano elogiou a prestaçãoo de Donald Trump: "Montou uma argumentação elevada e convincente para a sua reeleição e deu trabalho ao Joe Biden por apoiar políticas que subirão os impostos, destruirão empregos e tornarão as nossas comunidades menos seguras".

19:14 | 30/09
Dan Rather, histórico jornalista e pivô da CBS, disse que a América coletivamente "está pronta para tomar um banho" após o debate

19:11 | 30/09
Andrew Yang, ex-candidato presidencial, diz que todos os que viram o debate merecem 1000 dólares por mês – em referencia às politicas de aumento de rendimentos dos norte-americanos que popularizou na sua campanha.

19:10 | 30/09
A conta do Daily Show, apresentado pelo comediante Trevor Noah, referiu, em referência ao moderador, que "os educadores de infância são mal-pagos" nos EUA.

Ver comentários