Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Ataca carro com o pénis

Homem acusado de exposição indecente e abuso sexual de uma menor.
Pedro Zagacho Gonçalves 2 de Setembro de 2016 às 12:07
Timothy Justin Miles foi condenado a dois anos e meio de prisão
Timothy Justin Miles foi condenado a dois anos e meio de prisão FOTO: Direitos Reservados

Timothy Justin Miles foi julgado esta semana pelos crimes de exposição indecente e de abuso sexual a uma menor, depois de ter atacado um carro com o pénis e de ter apalpado uma menina de 12 anos.

O homem, natural de Lafayette, no estado norte-americano do Indiana, estava a urinar em público, quando foi interpelado por uma mulher que tinha estacionado em local próximo do delito. Irritado, o homem prontamente "bateu com o pénis no carro várias vezes", enquanto insultava a condutora.

Meses depois, o homem abusou sexualmente de uma menina de 12 anos. Miles apalpou-a enquanto esta estava numa paragem de autocarro. De acordo com os pais da vítima, esta "ainda tem pesadelos com o incidente e tem medo de sair de casa".

Os juízes consideraram os crimes "de natureza sexual muito graves" e, por isso, condenaram o homem a 2 anos e meio de prisão, com mais seis meses de trabalho comunitário. A menor abusada será ainda ressarcida pelos danos psicológicos causados.

O norte-americano mostrou-se arrependido dos crimes, mas "discordou respeitosamente" que os crimes fossem de natureza sexual, pelo que diz que vai recorrer da sentença.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)