Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Ataque a Telavive em novo dia de violência entre israelitas e palestinianos

Israel aumentou intensidade da ofensiva em Gaza, onde há já pelo menos 30 mortos, e o Hamas lançou uma barragem de 130 rockets.
Francisco J. Gonçalves 12 de Maio de 2021 às 09:08
Gaza atacada com dureza após lançamento de rockets
Palestinianos e militares de Israel em noite de confrontos
Gaza atacada com dureza após lançamento de rockets
Palestinianos e militares de Israel em noite de confrontos
Gaza atacada com dureza após lançamento de rockets
Palestinianos e militares de Israel em noite de confrontos
Um dia depois de confrontos violentos em Jerusalém darem origem a ataques do Hamas a Israel respondidos com raides aéreos que mataram mais de 20 pessoas na Faixa de Gaza, esta terça-feira o clima de guerra escalou mais um degrau. O PM israelita prometeu intensificar os ataques a alvos palestinianos em Gaza e as milícias palestinianas lançaram uma nova barragem de rockets, que desta feita fez as sirenes de alarme soarem em Telavive.

Depois de matarem duas pessoas em Jerusalém, os rockets terão feito esta terça-feira pelo menos mais uma vítima na cidade costeira israelita. Como no dia anterior, a maior parte dos projéteis foram intercetados pelo sistema de mísseis de defesa de Israel. A barragem de rockets de terça-feira, mais de 130 ao todo, foi lançada pouco depois de um bombardeamento israelita causar a derrocada de um prédio de 13 andares em Gaza, onde há já pelo menos 30 mortos confirmados.

O Hamas, que controla a Faixa de Gaza, diz estar a agir para defender a mesquita de al-Aqsa, em Jerusalém, "da agressão e do terrorismo" de Israel. A mesquita e a área em redor foi o epicentro dos violentos confrontos de segunda-feira.
violentos que Israel diz serem na quase totalidade radicais do Hamas e grupos aliados.

Os EUA afirmaram-se "profundamente preocupados" com a escala de violência, condenaram o lançamento de rockets e pediram "contenção", mas lembrando que Israel tem o direito a defender-se.
Israel Telavive Jerusalém Hamas Faixa PM Gaza distúrbios guerras e conflitos política
Ver comentários