Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Atentado contra marcha em Ancara foi ordenado pelo EI

Massacre aconteceu a 10 de outubro.
28 de Outubro de 2015 às 13:30
102 pessoas morreram neste atentado
102 pessoas morreram neste atentado FOTO: Reuters
O atentado que a 10 de outubro matou 102 pessoas e feriu mais de 500 numa marcha pela paz em Ancara foi organizado pelo grupo Estado Islâmico, afirmou esta quarta-feira o procurador turco encarregado do inquérito.

"Foi determinado que o grupo [que perpetrou o ataque] planeou atentados na Turquia depois de receber instruções diretas da organização terrorista Daesh [acrónimo árabe do grupo 'jihadista'] na Síria", lê-se numa declaração publicada hoje na página internet do gabinete do procurador de Ancara.

O ataque de 10 de outubro visou uma manifestação pacifista organizada pela esquerda turca e por ativistas pró-curdos.

O atentado foi o que mais pessoas matou em solo turco.

Responsáveis turcos tinham indicado anteriormente que o ataque foi perpetrado por dois bombistas-suicidas, pelo menos um dos quais turco, e que o Estado Islâmico era o "suspeito 'número um'", embora tenham admitido que os responsáveis podiam ser rebeldes curdos.

Segundo o procurador, o grupo 'jihadista' pretendia com o ataque "adiar as eleições legislativas de 01 de novembro" criando uma situação de "caos e instabilidade".
Ancara Turquia Estado Islâmico atentado distúrbios guerras e conflitos guerrilha
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)