Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Atirador de Las Vegas abortou ataque em setembro

Paddock queria atacar outro festival, mas hotéis próximos não tinham quartos disponíveis.
Ricardo Ramos 5 de Outubro de 2017 às 09:47
A carregar o vídeo ...
Paddock queria atacar outro festival, mas hotéis próximos não tinham quartos disponíveis
O festival de música country Route 91 Harvest não terá sido o alvo inicialmente escolhido pelo autor do massacre de Las Vegas, que fez 58 mortos e mais de 500 feridos. A polícia acredita que o plano original de Stephen Paddock era atacar o festival Life is Beautiful, que decorreu na cidade entre os dias 22 e 24 de setembro, mas os hotéis próximos do recinto não tinham quartos disponíveis.

De acordo com a cadeia de televisão CBS, que cita fontes policiais, Paddock, de 64 anos, terá tentado reservar um quarto no hotel Ogden e noutro estabelecimento com vista para o recinto do festival, mas ambos estavam cheios. O atirador pediu "expressamente" um quarto com vista para o festival, tal como aconteceu no hotel Mandala Bay.

O festival Life is Beautiful, que se realiza na rua, ao longo de 15 quarteirões, contou este ano com artistas como Muse, The XX e Chance The Rapper como cabeças de cartaz e atraiu 45 mil pessoas por dia, o dobro do festival Route 91 Harvest.

Entretanto, a companheira de Paddock, Marilou Danley, regressou ontem aos EUA proveniente das Filipinas, e já está a ser interrogada pelo FBI, que espera que ela possa ajudar a esclarecer os motivos do massacre. As autoridades querem também saber porque é que o atirador transferiu 85 mil euros para as Filipinas duas semanas antes do ataque.

Instalou câmaras para vigiar a polícia 
Paddock não deixou nada ao acaso. Além de levar um autêntico arsenal para o quarto no 32º andar do hotel Mandala Bay, instalou câmaras de vídeo no visor da porta e no corredor para vigiar a aproximação da polícia.

Trump visitou feridos e elogiou polícias 
O presidente Donald Trump visitou ontem vários feridos no hospital e agradeceu a coragem de polícias, equipas de emergência e heróis anónimos que ajudaram a socorrer as vítimas.

"Este é um dia muito triste para mim", disse o presidente, que pela primeira vez no seu mandato teve de lidar com as consequências de um tiroteio. Trump declinou falar sobre a investigação, mas disse que o FBI está a recolher "muitas informações".

PORMENORES
Reforçou arsenal
O atirador reforçou substancialmente o seu arsenal no último ano. Segundo a polícia, Paddock comprou 33 armas, na sua maioria espingardas semiautomáticas, desde outubro.

Compras em 4 estados
Paddock tinha 49 armas de fogo, 23 das quais levou consigo para o hotel. Foram todas compradas legalmente no Nevada, Utah, Califórnia e Texas.
Route Beautiful Stephen Paddock Filipinas Harvest Utah Mandala Bay Las Vegas Life CBS Donald Trump Muse
Ver comentários