Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Ativista LGBT encontrado morto no Brasil

A polícia local não tem qualquer pista nem suspeitos do crime.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 18 de Agosto de 2018 às 18:21
Marcos Cruz Santana
Marcos Cruz Santana
Marcos Cruz Santana
Marcos Cruz Santana
Marcos Cruz Santana
Marcos Cruz Santana
Marcos Cruz Santana
Marcos Cruz Santana
Marcos Cruz Santana

Um ativista do movimento LGBT e presidente de uma entidade que defende os direitos dos homossexuais foi encontrado morto na madrugada deste sábado na cidade de Itororó, no sul do estado brasileiro da Bahia. 

Marcos Cruz Santana, de 40 anos, foi encontrado já morto a meio da madrugada numa rua perto da estação rodoviária de Itororó. O corpo apresentava vários ferimentos provocados por uma arma branca.

O ativista era presidente da Associação dos Movimentos Parceiros e Amigos da Saúde e Direitos Humanos das Minorias Sexuais, entidade que luta pelos direitos dos homossexuais e desenvolve campanhas de alerta e prevenção contra doenças. Marcos também era o organizador da Parada do Orgulho Gay na região, cuja realização desagradava parte da população.

A polícia local não tem qualquer pista nem suspeitos do crime.

O Brasil é um dos países do mundo onde mais se matam homossexuais e onde a homofobia é mais acentuada. No nordeste, região do país onde se localiza o estado da Bahia, essa aversão a homossexuais é ainda mais intensa e, por falta de meios ou de interesse, boa parte dos crimes acaba por ficar sem elucidação e punição.


LGBT Bahia Itororó Marcos Cruz Santana Parada do Orgulho Gay Brasil morte
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)