Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Ativistas carregam "ovelha ensanguentada" em protestos contra indústria de lã

Agricultores e indústria da lã afirma que os protestos são "ignorantes" e "desinformados".
12 de Junho de 2019 às 16:33
Ovelhas
Ovelhas
Ovelhas
Ovelhas
Ovelhas
Ovelhas

Ativistas dos direitos dos animais protestaram esta quarta-feira, de maneira perturbadora, no centro da cidade de Sidney, Austrália, contra o uso da lã.

Duas manifestantes da PETA (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais) desfilaram com cartazes e com um boneco que representava uma ovelha ensanguentada, de modo a provocar e conseguir mudar mentalidades. 

As ativistas chocaram as pessoas com cartazes que afirmavam que os animais eram cruelmente mutilados, espancados e tosquiados apenas para obter lucro através das vendas de lã.

As mulheres desfilaram pelas ruas de Sidney com o propósito de convencerem os australianos a não comprarem lã este inverno, devido aos maus tratos aos animais que continuam a acontecer nesta indústria. 

Em comunicado à imprensa, a organização PETA afirma que as ovelhas são presas fáceis e não deveriam estar sujeitas ao tratamento cruel das mãos dos tosquiadores.

Segundo a organização, as ovelhas produzem a quantidade certa de lã para mantê-las aquecidas no inverno e "é arrogante pensar que os animais cujos corpos alteramos para ganhar dinheiro não ficariam assustados quando os imobilizamos para roubar os seus casacos".  

O ataque das duas ativistas gerou alguma indignação por parte dos agricultores e da indústria da lã que viram os protestos como "ignorantes" e "desinformados".

De acordo com Ed Storey, presidente da Wool Producers Australia, a maior indústria de produção de lã na Austrália, as manifestantes estavam espalhar mentiras. "O cuidado e o bem-estar dos nossos animais é a maior prioridade para a indústria australiana de ovinos e de lã", afirmou o presidente ao jornal britânico Daily Mail.

Para Ed Storey, a iniciativa do grupo de manifestantes "é absolutamente lixo".

O presidente acrescentou ainda que "as pessoas devem abraçar a lã e comprá-la porque é um produto natural e biodegradável que é produzido de forma sustentável".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)