Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Atropela 22 e quase é linchado

Um motorista quase foi linchado por uma multidão depois de atropelar 22 pessoas no Tatuapé, bairro nobre na zona leste da cidade brasileira de São Paulo na madrugada desta quarta-feira. O motorista, de 20 anos e que não tem carta de condução, foi salvo da morte pela polícia, mas teve que receber tratamento num hospital da região devido aos múltiplos ferimentos provocados pela multidão enfurecida.
5 de Julho de 2012 às 20:34
Caso ocorreu em Tatuapé, na zona leste da cidade de São Paulo
Caso ocorreu em Tatuapé, na zona leste da cidade de São Paulo FOTO: d.r.

De acordo com várias testemunhas, o rapaz ficou irritado por a multidão de mais de 5000 adeptos do Corinthians que comemoravam a vitória do clube na Taça Libertadores da América impedirem a passagem do carro dele ao chegar à Praça Sílvio Romero, tradicional local de boemia e comemorações do bairro. As testemunhas garantem que o motorista, não conseguindo passagem apesar de buzinar, acelerou o veículo propositalmente e atingiu os populares.

O acusado, que, segundo a polícia, estava embriagado e tinha bebidas alcoólicas no carro, nega essa versão. Ele afirma que foi a multidão que começou a bater no veículo e ele, com medo, acelerou para tentar preservar a vida.

O rapaz está preso na esquadra do Tatuapé, onde foi incriminado por múltiplas tentativa de homicídio, várias lesões corporais, embriaguez ao volante e dirigir sem ter carta. Pelo menos duas pessoas sofreram ferimentos de média gravidade e continuavam nesta quarta-feira internadas, tendo as demais regressado a suas casas após receberem tratamento hospitalar.

mototista atropelamento população linchamento polícia hospital
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)