Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Aumenta mortalidade em acidentes de trânsito

Taxa na América Latina subiu 20% em dez anos.
13 de Novembro de 2015 às 15:39
Taxa de Mortalidade rodoviária na América Latina subiu
Taxa de Mortalidade rodoviária na América Latina subiu FOTO: Getty Images
A mortalidade registada em acidentes de trânsito na América Latina subiu 20% em dez anos, segundo dados da Comissão Económica da ONU para América Latina e Caribe (Cepal) divulgados esta sexta-feira pela Rádio ONU. 

Entre 2000 e 2010, a taxa de mortalidade subiu de 14,75 pessoas para 17,68 pessoas por 100 mil habitantes. Em 2013, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde, essa taxa na região chegou a 15,9 mortos, o que mostra uma ligeira melhoria. 

A divulgação dos dados da Cepal antecede a Segunda Conferência Global de Alto Nível sobre Segurança no Trânsito, que decorrerá em Brasília nos próximos dias 18 e 19 de novembro.

As Nações Unidas estabeleceram a meta de reduzir a metade, até 2020, o total de mortos em acidentes de trânsito e definiram o período entre 2011 e 2020 como a década de Ação para a Segurança no Trânsito.

Na América Latina e no Caribe, de acordo com a Cepal, 57% dos países têm metas para reduzir a mortalidade em acidentes de trânsito, incluindo Argentina, Colômbia, El Salvador, México, Uruguai e Suriname.
América Latina Comissão Económica da ONU Caribe Rádio ONU
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)