Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Governava por Whatsapp e ostentava luxo

Autarca brasileira gostava de exibir luxo nas redes sociais.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 1 de Setembro de 2015 às 19:43
Lidiane Leite era presidente da cidade de Bom Jardim, no estado brasileiro do Maranhão
Lidiane Leite era presidente da cidade de Bom Jardim, no estado brasileiro do Maranhão FOTO: DR

Uma jovem presidente de câmara brasileira, que ostentava luxo e riqueza nas redes sociais e governava a sua cidade, Bom Jardim, no estado do Maranhão, por mensagens eletrónicas, fugiu após a Polícia Federal desencadear uma ação para a prender por corrupção. Lidiane Leite está fugitiva desde 20 de agosto e é procurada pela polícia em várias regiões do Brasil.

A cidade de Bom Jardim é uma das 30 mais pobres do Brasil e tem escolas a funcionar ao ar livre, debaixo de árvores, devido à precariedade de algumas edificações. Segundo o Ministério Público, Lidiane desviou pelo menos 3,75 milhões de euros de verbas para ordenados de professores, construção de escolas e alimentação para os alunos.

Lidiane, que antes vendia leite à porta de casa para ajudar a mãe, entrou na política nas vésperas das eleições municipais de 2012, substituindo o namorado, cuja candidatura foi impugnada pela Justiça um dia antes da votação. Eleita, Lidiane rapidamente ganhou fama na cidade ao exibir luxos nas fotografias que publicava nas redes sociais e por tratar de assuntos com os seus secretários através de mensagens no Whatsapp.

O namorado, Beto Rocha, nomeado secretário dos Assuntos Políticos e que, na prática, era quem comandava a cidade, foi preso na operação levada a cabo para prender Lidiane, que conseguiu escapar. A mulher já tinha sido afastada do cargo três vezes, em abril e dezembro de 2014 e em maio de 2015, mas em todas reassumiu o cargo graças a decisões judiciais provisórias.

autarca luxo redes sociais Whatsapp Lidiana Leite Bom Jardim Maranhão Brasil
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)