Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Avião cai sobre bairro residencial

Um avião das linhas aéreas nigerianas com pelo menos 150 pessoas despenhou-se ontem em Iju, bairro da zona periférica de Lagos, cidade mais populosa do país, com mais de 15 milhões de habitantes. Autoridades avançaram que não havia sobreviventes.

4 de Junho de 2012 às 01:00
Destroços em chamas do aparelho acidentado
Destroços em chamas do aparelho acidentado FOTO: Epa

"Era um avião da companhia Dana Airlines que seguia da capital, Abuja, para Lagos, com 150 passageiros a bordo", informou o director de aviação civil, Harold Demuren. "Não creio que alguém tenha sobrevivido", adiantou.

O avião da Dana Airlines tinha acabado de descolar do aeroporto de Murtala Muhanned, Lagos, quando caiu. As condições atmosféricas eram boas, e testemunhas afirmam que o avião se despenhou contra um edifício, incendiou-se e explodiu.

Milhares de pessoas acorreram ao local, horrorizadas com o cenário dantesco que encontraram, com destroços do aparelho espalhados pelos telhados de zinco de casas e ruas lamacentas que caracterizam Iju. Durante horas, equipas de socorro tentaram, desesperadas, encontrar sobreviventes.

A Nigéria tem um longo historial de acidentes aéreos e a segurança da aviação civil, no país com a segunda maior economia de África, é bastante criticada.

No sábado, dez pessoas morreram quando um avião de carga da Allied Air chocou contra um autocarro ao aterrar no aeroporto de Acra, no Gana.

NOVO MASSACRE DE CRISTÃOS

A explosão de um carro armadilhado contra uma igreja cristã em Yelwa, no estado nigeriano de Bauchi, cheia de fiéis que assistiam à missa, matou ontem pelo menos 15 pessoas, ferindo com gravidade muitas outras. Este é o mais recente de uma

série de ataques contra igrejas cristãs no Norte da Nigéria, de maioria muçulmana, ao contrário do que acontece no Sul do país, onde os cristãos são em maior número. Apesar de não ter sido reivindicado, tudo indica tratar-se de um novo atentado do grupo radical islâmico Boko Haram, que desde 2009

já fez 1200 mortos. O mais sangrento dos ataques, recorde-se, ocorreu na igreja de Madalla, arredores de Abuja, no dia de Natal do ano passado. Morreram 44 pessoas.

NIGÉRIA QUEDA AVIÃO MORTE ÓBITO
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)