Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Bélgica: Rei aceita demissão do PM

O Rei belga, Albert II, aceitou oficialmente a demissão do governo liderado pelo primeiro-ministro (PM), Yves Leterme, mas não designou um sucessor.
22 de Dezembro de 2008 às 19:23

O executivo de coligação, liderado pelo democrata-cristão Leterme, decidiu apresentar a demissão depois de o Supremo Tribunal belga ter admitido que o gabinete do primeiro-ministro exerceu pressões sobre juízes que examinavam as condições do desmembramento do banco Fortis, uma manobra para salvar a instituição da falência.  

O antigo primeiro-ministro, Jean-Luc Dehaene, 68 anos, também ele democrata-cristão, é o nome mais avançado para liderar um possível governo de transição, mas esta informação ainda não foi confirmada pelo Palácio Real belga.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)