Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Benazir Bhutto em prisão domiciliária

A antiga primeira-ministra paquistanesa Benazir Bhutto foi posta esta sexta-feira sob prisão domiciliária, de forma a evitar o comício previsto para a cidade de Rawalpindi contra o estado de emergência decretado pelo presidente do Paquistão, Pervez Musharraf.
9 de Novembro de 2007 às 09:13
Segundo o testemunho de um funcionário da segurança, a residência da antiga governante em Islamabad, Paquistão, foi esta manhã cercada pela Polícia paquistanesa, com o apoio de blindados.
Esta decisão integra o plano das autoridades paquistanesas, que, segundo a oposição, têm vindo a deter apoiantes de Benazir Bhutto, com vista a impedir o comício previsto contra o estado de emergência no país.
A oposição informou que já foram presas cerca de cinco mil pessoas.
“É um golpe maciço contra o nosso partido”, afirmou o deputado Raja Javed Ashraf, eleito pelo Partido do Povo do Paquistão, de Benazir Bhutto.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)