Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Biden quer proteger direito a viajar para abortar e uso de pílulas abortivas nos EUA

"O governo federal vai proteger esse direito fundamental através do gabinete do procurador-geral", afirmou o presidente americano.
Lusa 1 de Julho de 2022 às 20:33
Joe Biden
Joe Biden FOTO: Reuters
O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse esta sexta-feira, numa reunião extraordinária com nove governadores democratas, que o governo federal vai proteger o direito a viajar entre estados para fazer abortos e o acesso a pílulas abortivas.

"Se governadores extremistas tentarem impedir que uma mulher viaje de um estado para outro para obter ajuda médica, o governo federal vai proteger esse direito fundamental através do gabinete do procurador-geral", afirmou o presidente, durante uma reunião sobre a revogação do direito constitucional ao aborto pelo Supremo Tribunal.

"Se os estados tentarem impedir uma mulher de obter medicação que a FDA [Food Drug Administration, regulador alimentar e farmacêutico] já aprovou e está disponível há mais de vinte anos, a minha administração vai agir para proteger o direito a essa medicação", afirmou.

Joe Biden EUA crime lei e justiça saúde
Ver comentários
}