Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Bispo pedófilo afasta-se

Roger Vangheluwe, ex-bispo de Bruges que se viu forçado a resignar ao cargo, em Abril, após ter admitido que violou um sobrinho durante mais de dez anos, anunciou que abandona a diocese.
12 de Setembro de 2010 às 00:30
O ex-bispo Roger Vangheluwe admitiu que violou um sobrinho
O ex-bispo Roger Vangheluwe admitiu que violou um sobrinho FOTO: direitos reservados

O clérigo da cidade flamenga perderá deste modo a pensão de 2800 euros mensais (75% do que auferia anteriormente), a que tinha direito por lei, em virtude do seu longo ministério. Vangheluwe refugiou-se num mosteiro após a demissão, precipitada por uma vaga de denúncias de pedofilia que culminou num contundente relatório da Igreja belga que reconhece abusos sexuais cometidos contra 500 menores. Abusos que ficarão impunes porque a maioria dos processos já prescreveu.

A dimensão do escândalo de pedofilia na Igreja belga – quase meio milhar de alegadas vítimas em 25 anos – está a impressionar a opinião pública do país.

Ver comentários