Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Bolsonaro internado em Brasília com dores abdominais após 18 dias trancado no Palácio da Alvorada

Hipótese de uma nova cirurgia abdominal ainda não foi afastada.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 18 de Novembro de 2022 às 14:55
Eleições Brasil
Eleições Brasil FOTO: ADRIANO MACHADO/reuters

O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, foi internado no final da noite desta quinta-feira no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, com um quadro de dores abdominais, uma queixa recorrente desde que sofreu uma facada naquela região em 2018. Bolsonaro estava isolado e incomunicável na residência oficial, o Palácio da Alvorada, na capital, desde o dia 30 de outubro, quando foi derrotado pelo arquinimigo Lula da Silva na segunda volta das presidenciais.

De acordo com as poucas informações que chegaram à imprensa na manhã desta sexta-feira, pois a ida de Bolsonaro para o Hospital das Forças Armadas (HFA) foi realizada com todo o sigilo, o presidente foi submetido a diversos exames durante a madrugada. Até final da manhã desta sexta não tinha sido divulgado um relatório médico, mas fontes ligadas a Bolsonaro avançaram sob condição de anonimato que a hipótese de uma nova cirurgia abdominal ainda não foi afastada.

Desde que foi atacado com uma faca durante um acto da campanha que o levou à presidência em 2018, na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais, Jair Bolsonaro já teve de passar por quatro delicadas cirurgias na região do abdomen, além de outros procedimentos na região. Com uma alimentação à base de litros diários de refrigerantes e frituras, e com sequelas intestinais e estomacais, o presidente já teve diversas crises e precisou outras vezes de cuidados hospitalares em Brasília e em São Paulo.

Além dos problemas abdominais, Jair Bolsonaro, segundo os poucos aliados que tem autorizado a ir vê-lo, está, ou esteve, com uma depressão profunda provocada pela derrota nas presidenciais, que imaginou vencer e por larga vantagem. Essas fontes dizem que o presidente, que desde essa data também não participa nas redes sociais, onde era tão activo, está apático, fica calado num canto e parece completamente perdido, embora outras fontes avancem que ele já está melhor e recupera lentamente do choque emocional da derrota.

Ver comentários
C-Studio