Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

BORDEL PAGA A CLIENTE

Um tribunal alemão obrigou um bordel a reembolsar um homem que teve de pagar 9000 euros por serviços de que nem sequer se lembra porque estava bêbado.
12 de Abril de 2003 às 00:03
BORDEL PAGA A CLIENTE
BORDEL PAGA A CLIENTE
A juíza deu razão ao queixoso, argumentando que o bordel não dispõe de uma tabela de serviços. Segundo ela, a referida tabela deveria ser explícita e informar sem equívocos os clientes. Por exemplo, deveria especificar que uma sessão de relações sexuais custa 600 euros, uma de sexo oral 300 euros e uma sexo anal 400 euros. O responsável do bordel justificou perante o tribunal que cobrou 9 mil euros ao queixoso por este ter pedido “serviço completo”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)