Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Boris Johnson criticado quer "aumentar maciçamente" testes ao coronavírus no Reino Unido

Primeiro-ministro britânico está em isolamento na residência oficial, em Downing Street.
Lusa 2 de Abril de 2020 às 12:21
Boris Johnson
Boris Johnson FOTO: Getty Images
O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, reconheceu a necessidade de o país "aumentar maciçamente" o número de testes de diagnóstico à covid-19, perante críticas de que a capacidade do Reino Unido é inferior à de outros países. 

"O que precisamos de fazer é aumentar maciçamente (...) os testes para que as pessoas possam saber se já tiveram ou não a doença, o chamado testes aos anticorpos, porque isso vai permitir que regressem ao trabalho confiantes de que não voltarão a ser infetadas ou ser contagiosas", disse, num vídeo publicado na rede social Twitter na quarta-feira à noite. 

Boris Johnson está em isolamento na residência oficial, em Downing Street, depois de ter sido diagnosticado com a covid-19 na passada sexta-feira, mas continua a trabalhar e a conduzir o trabalho do governo no combate à pandemia. 

Boris Johnson Reino Unido saúde doenças política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)