Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Boris Johnson e ministro da Saúde do Reino Unido estão infetados com coronavírus

Primeiro-ministro britânico faz teste após apresentar tosse e febre. Vai liderar o país de casa.
Rute Lourenço 28 de Março de 2020 às 10:25
Boris Johnson
Boris Johnson e Carrie Symonds
Boris Johnson
Boris Johnson e Carrie Symonds
Boris Johnson
Boris Johnson e Carrie Symonds

A pandemia de Covid-19 atingiu, esta sexta-feira, em cheio o coração de Inglaterra, com o primeiro-ministro e o ministro da Saúde a confirmarem o teste positivo para a doença. Depois de, na última quinta-feira, ter desenvolvido sintomas como tosse e febre, Boris Johnson foi aconselhado a fazer o exame e não houve margem para dúvidas. O primeiro-ministro, de 55 anos, está agora em isolamento na sua casa, mas garante que vai continuar a liderar o país, trabalhando através de videoconferências.

Pouco depois de Boris Johnson ter anunciado o teste positivo, foi a vez de o ministro da Saúde britânico, Matt Hancock, revelar que também está infetado com coronavírus. O político, de 41 anos, está em casa e com sintomas ligeiros. Tal como Johnson, esteve numa série de reuniões presenciais com outros membros do governo, mas estes só farão o teste em caso de desenvolverem sintomas, revelou fonte oficial à imprensa britânica.

Boris Johnson e o ministro da Saúde são apenas dois casos de uma longa lista de políticos que estão a braços com o vírus [ver caixa]. O ministro da Saúde do Irão foi dos primeiros a dar positivo no teste, ainda em fevereiro, e seguiram-se muitos.

Em Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa chegou a fazer o teste (e a repetir), depois de ter estado no Palácio de Belém com uma turma de uma escola de Felgueiras, que fechou devido a um caso de Covid-19. Os exames deram negativo.

Mulher, grávida, está noutra casa
A companheira de Boris Johnson está grávida e, de acordo com a imprensa britânica, está a cumprir isolamento noutra casa, para evitar ser contagiada. Carrie Symonds, de 32 anos, anunciou no mês passado a gestação. Bebé deverá nascer no verão.

Políticos em isolamento
É já longa a lista de figuras da política infetadas. Em França, o ministro da Cultura, Franck Riest, anunciou estar doente, enquanto em Inglaterra Nadine Dorries, com a pasta da Saúde Mental, foi a primeira a contrair o vírus. Em Espanha, são vários os casos.

Boris Johnson Inglaterra Covid-19 saúde doenças questões sociais
Ver comentários