Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Boris Johnson nega ter mentido à rainha Isabel II sobre suspensão do parlamento britânico

Primeiro-ministro britânico insiste que é tudo "absolutamente falso".
Correio da Manhã 12 de Setembro de 2019 às 11:17
Boris Johnson nega ter mentido à rainha Isabel II por suspensão do parlamento britânico
Boris Johnson nega ter mentido à rainha Isabel II por suspensão do parlamento britânico
Boris Johnson nega ter mentido à rainha Isabel II por suspensão do parlamento britânico
Boris Johnson nega ter mentido à rainha Isabel II por suspensão do parlamento britânico
Boris Johnson nega ter mentido à rainha Isabel II por suspensão do parlamento britânico
Boris Johnson nega ter mentido à rainha Isabel II por suspensão do parlamento britânico
Boris Johnson, o primeiro-ministro britânico, negou ter mentido à Rainha Isabel II sobre as razões que levaram à suspensão do Parlamento britânico durante cinco semanas, depois de um tribunal escocês ter determinado que a decisão é ilegal. 

O Parlamento do Reino Unido foi suspenso na segunda-feira, dia 9 de setembro, até 14 de outubro. Os seus opositores consideraram que este decisão foi feita para evitar o escrutínio dos planos para o Reino Unido deixar a União Europeia e permitir um Brexit sem acordo, a ocorrer a 31 de outubro. 

Esta quarta-feira, dia 11, a mais alta instância de recurso da Escócia decidiu que a suspensão não era legal e que servia como um obstáculo para os deputados, o que levou os opositores de Johnson a acusá-lo de mentir a Isabel II sobre as razões para a suspensão. Johnson afirmou que as alegações eram "absolutamente não" correspondentes à verdade.
Boris Johnson Isabel II política Brexit
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)