Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Boris Johnson perde apoio eleitoral nas eleições britânicas

Novas sondagens dão subida à oposição trabalhista
Francisco José Viegas 4 de Novembro de 2019 às 08:25
Johnson esperava uma subida dos liberais à custa do eleitorado trabalhista
Boris Johnson
Boris Johnson
Johnson esperava uma subida dos liberais à custa do eleitorado trabalhista
Boris Johnson
Boris Johnson
Johnson esperava uma subida dos liberais à custa do eleitorado trabalhista
Boris Johnson
Boris Johnson
A vitória anunciada do Partido Conservador nas eleições antecipadas de 12 de dezembro pode não ser tão garantida como se pensava. De acordo com novas sondagens, o Partido Trabalhista, de Jeremy Corbyn, subiu cerca de seis por cento nas intenções de voto em apenas dois dias.

Duas sondagens, uma da YouGov e outra do jornal ‘Mail on Sunday’, dão aos conservadores, do PM Boris Johnson, 12% de vantagem sobre os trabalhistas, uma queda relativamente às sondagens que há 15 dias cifravam a vantagem conservadora em 16%.

Um estudo da ORB International dá uma subida ainda mais clara, cifrando-se a desvantagem trabalhista em apenas 8% dos votos. Este estudo antecipa 36% de votos no partido de Johnson, 28% no de Corbyn, 14% nos Liberais Democratas e 12% nos nacionalistas do Partido do Brexit.

Estas previsões preocupam Johnson, que contava que os liberais roubassem mais votos aos trabalhistas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)