Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Brasil com terceiro pior índice de homicídios na América Latina

O Brasil foi considerado, nesta quinta-feira, o terceiro país com uma das piores taxas de homicídio da América do Sul, ficando à frente a Colômbia e a Venezuela, segundo um ranking da Agência das Nações Unidas para a Droga e o Crime (UNODC).

6 de Outubro de 2011 às 16:28
Portugal registou 130 assassínios, o que o representou 1,2 homicídios para cada 100.000 habitantes
Portugal registou 130 assassínios, o que o representou 1,2 homicídios para cada 100.000 habitantes FOTO: Direitos reservados

Em 2009, foram registados 43.909 assassínios no Brasil, uma média de 22,7 homicídios por cem mil habitantes, a média venezuelana foi de 49,0 assassínios por 100 mil habitantes, enquanto na Colômbia o mesmo indicador ficou em 33,4. A média de todo o continente americano é de 15,4. 

No que toca concretamente ao Brasil, o estudo revela que a taxa de assassínios média manteve-se estável entre 1995 e 2008, embora se tenha registado uma quebra significativa em algumas cidades isoladas.

O relatório realça ainda a diferença representativa entre as diversas regiões do país e destaca a redução observada no número de homicídios em São Paulo.  

No continente africano, que lidera o ranking mundial, a Guiné Conacri vem em primeiro lugar, com uma média de 22,5 assassínios por 100 mil habitantes. A média do continente africano é de 17,4.  

A Europa e a Oceania são as regiões do mundo com menor índice, cerca de 3,5 para cem mil habitantes, em média.  

Em 2009, Portugal registou 130 assassínios, o que o representou 1,2 homicídios para cada cem mil habitantes.  

assassínios homicídios portugal brasil venezuela colômbia américa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)