Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Brasil já tem mais de mil casos de sarampo confirmados

Doença tinha sido erradicada totalmente em 2016.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 3 de Agosto de 2018 às 11:36
Sarampo
Vacinação
Vacina do Sarampo
Vacinação
Sarampo
Vacinação
Vacina do Sarampo
Vacinação
Sarampo
Vacinação
Vacina do Sarampo
Vacinação

Os casos confirmados de sarampo não param de aumentar no Brasil, onde a doença tinha sido erradicada totalmente em 2016. A doença alastra a uma velocidade vertiginosa em dois estados da região, o de Amazonas e o de Roraima, que concentram 97% dos casos confirmados até agora em todo o país.

De acordo com os últimos dados avançados pelo Ministério da Saúde, desde o início deste ano e até esta quarta-feira, dia 1 de agosto, 1053 casos de sarampo tinham sido notificados e confirmados. Além desses, outros 4470 casos suspeitos estão em análise no estado do Amazonas, estando outros 106 em análise no estado de Roraima.

Foi por Roraima que a doença voltou a entrar no Brasil, onde desde 2001 não se regista um caso de sarampo originado no país. A grande vaga de refugiados da Venezuela, que faz fronteira com o Brasil na região amazónica, fez explodir surtos da doença na região da fronteira e, com o envio de refugiados venezuelanos para outras partes do país, o sarampo já chegou a sete estados brasileiros, entre eles o Rio de Janeiro, onde há 14 casos confirmados, e o Rio Grande do Sul, onde foram confirmados 13.

O último ano com um grande número de casos tinha sido 1999, quando, em todo o ano, houve 908 casos confirmados, todos importados por viajantes. Entre 2013 e 2015 ocorreram outros surtos, também importados, principalmente nos estados de Pernambuco e do Ceará, no nordeste do país, mas o total nesses três anos foi de 1310 contágios, e em 2016 a Organização Panamericana da Saúde declarou a doença extinta no Brasil.
Ver comentários