Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Breivik faz saudação de extrema-direita antes do início do julgamento

Anders Behring Breivik fez esta segunda-feira a saudação de extrema-direita antes de rejeitar a legitimidade do tribunal, na primeira audiência do julgamento pela morte de 77 pessoas, no último Verão, na Noruega, indica a agência France Presse.
16 de Abril de 2012 às 09:35
Anders Breivik na chegada à sala de audiências
Anders Breivik na chegada à sala de audiências FOTO: Reuters

Assim que lhe tiraram as algemas, Breivik endereçou ao público presente no tribunal - composto por familiares das vítimas, sobreviventes e jornalistas - a saudação, esticando o braço direito com o punho fechado.           

Esta saudação, explicou Breivik no seu manifesto, representa "a força, a honra e o desafio aos tiranos marxistas na Europa".

"Não reconheço [legitimidade] ao tribunal norueguês porque receberam o mandato dos partidos políticos que apoiam o multiculturalismo", afirmou também Breivik, de 33 anos, que se apresentou como "escritor", aos juízes.

Breivik afirmou ainda que a juiz principal, Wenche Elizabeth Arntzen, não está habilitada para o julgar porque "se sabe que é amiga" de Hanne Harlem, irmã da ex-primeira-ministra trabalhista Gro Harlem Brundtland, que era um dos objectivos deste apoiante da ultra-direita, apesar de não ter apresentado queixa formal contra a magistrada.

Rodeado por fortes medidas de segurança e por um considerável interesse mediático, o julgamento do massacre mais sangrento perpetrado na Noruega desde a segunda guerra mundial começou cerca das 9h00 locais (8h00 em Lisboa).

Breivik é acusado da morte de 77 jovens que participavam num encontro do Partido Trabalhista na ilha de Utoya, perto da capital norueguesa, em Julho de 2011.

O Ministério Público acusou formalmente Breivik de "ato de terrorismo" e de "homicídios voluntários", mas o acusado diz que os ataques serviram para prevenir uma invasão islâmica da Noruega.

O julgamento começa cerca de uma semana depois de uma nova avaliação psiquiátrica ter considerado o extremista de direita criminalmente responsável.

anders breivik saudação nazi noruega julgamento utoya
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)