Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Bush promete rever imigração

O presidente norte-americano, George W. Bush, prometeu ontem em Mérida (México), última etapa do seu périplo pela América Latina, que vai rever as políticas da imigração. Por seu lado, o seu homólogo mexicano, Felipe Calderon, apelou à intensificação do combate ao tráfico de drogas.
14 de Março de 2007 às 00:00
“Comprometo-me a trabalhar o mais possível por uma reforma abrangente das leis da imigração”, declarou Bush. Já Calderon referiu que “a imigração não pode ser travada, pelo menos por decreto”, acrescentando que os EUA terão de fazer “muito mais” não apenas quanto a esta questão, mas também pelo combate ao tráfico de drogas. Saliente-se ainda que o mexicano Carlos Slim, o terceiro homem mais rico do Mundo, afirmou que os EUA deveriam investir mais na América Latina.
Na véspera, na Venezuela, pouco mais de 30 pessoas participaram numa concentração contra Bush, convocada por simpatizantes do presidente Hugo Chávez, que ontem foi recebido como um herói no Haiti, no âmbito do seu ‘périplo paralelo’ contra Bush.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)