Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Caça F16 com piloto de 44 anos desaparece do radar dois minutos após descolar

Taiwan imobilizou toda a sua frota enquanto eram efetuados controlos de segurança após acontecimento estranho.
Lusa 18 de Novembro de 2020 às 08:29
Caça F16
Caça F16 FOTO: Getty Images
Taiwan imobilizou toda a sua frota de caças F16 enquanto eram efetuados controlos de segurança após o desaparecimento de um avião durante um exercício, disseram hoje as autoridades.

Esta decisão priva o território de 150 F16 e limita assim a capacidade de defesa aérea, quando nos últimos meses os aviões militares chineses têm realizado voos próximos de Taiwan com uma frequência sem precedentes.

A força aérea disse que um F16 de um só lugar com um piloto de 44 anos nos controlos desapareceu do radar na terça-feira à noite, dois minutos depois de descolar de uma base aérea no leste da ilha. Voava então a cerca de 1.800 metros acima do nível do mar.

F16 Taiwan acidentes e desastres acidentes e desastres acidentes de transporte
Ver comentários