Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Carruagem esteve fora de controlo durante 16 minutos (COM VÍDEO)

Uma unidade de manutenção subterrânea do metro de Londres esteve, em 2011, fora de controlo durante 16 minutos. As imagens só foram divulgadas agora e nelas consegue-se avistar um trabalhador aterrorizado a saltar do comboio de 39 toneladas descontrolado.
1 de Março de 2013 às 14:39
Nas imagens, o trabalhador é visto a saltar, em pânico, daquela carruagem
Nas imagens, o trabalhador é visto a saltar, em pânico, daquela carruagem FOTO: D.R.

Nas filmagens, o trabalhador pode ser visto a saltar, em pânico, daquela unidade de manutenção, na estação de Highgate, depois de os travões do comboio falharem durante uma das horas de ponta do dia.

Posteriormente, o homem ainda tentou correr, mas ao perceber que as hipóteses de conseguir parar a carruagem eram impossíveis, levou as mãos à cabeça, como sinal de pânico.

Na estação seguinte, em Archway, norte de Londres, os passageiros que esperavam por um dos metros foram surpreendidos com a passagem a alta velocidade daquela carruagem.

Um tribunal ouviu, nesta quinta-feira, como esta unidade esteve a 600 metros de embater numa carruagem de passageiros.

Devido a este incidente, ocorrido em agosto de 2011,o mesmo tribunal condenou o Metro de Londres e os seus trabalhadores a uma multa de 346.654 euros.

Segundo o ‘Daily Mail', o comboio de manutenção estava a ser rebocado, na estação de Highgate, no momento em que as carruagens acabaram por se soltar, dando origem a que aquela carruagem andasse, de forma descontrolada, ao longo de sete estações.

Ao motorista, que ia dizendo aos passageiros para de afastarem da plataforma, foi dito para não parar.

O painel de controlo mostrou que a carruagem ‘fugitiva', entretanto imobilizada, estava a uma estação de chocar com um comboio de passageiros.

Apesar do elevado risco, ninguém acabou ferido.

carruagem metro Londres descontrolo trabalhador salta
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)