Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Casa de polícia em El Salvador esconde crimes: mais de 20 corpos encontrados no local

Restos de 24 cadáveres foram encontrados em jardim de moradia.
Francisco J. Gonçalves 22 de Maio de 2021 às 09:11
Investigadores recuperaram restos humanos no jardim da moradia
Investigadores recuperaram restos humanos no jardim da moradia FOTO: Reuters /José Cabezas
O jardim da casa de um antigo polícia de El Salvador escondia um segredo macabro: pedaços de corpos pertencentes a 24 cadáveres. E os investigadores suspeitam que possam estar sepultados na casa de Hugo Ernesto Chávez, de 51 anos, um total de 40 cadáveres.

A descoberta foi realizada depois de o antigo polícia ser detido pelo homicídio de uma mulher de 57 anos e da filha, de 26 anos. Investigado por delitos sexuais, o ex-polícia confessou o crime. Quando os investigadores fizeram buscas em sua casa acabaram por descobrir os pedaços de vários cadáveres.

Os crimes foram relacionados com uma rede de homicidas que terá operado durante mais de uma década e que incluía antigos polícias, como Chávez, e também ex-militares e traficantes de pessoas. A investigação levou já à acusação de dez suspeitos.

Chávez confessou que escolhia as suas vítimas nas redes sociais.

El Salvador Hugo Ernesto Chávez crime lei e justiça questões sociais investigação crime homicídio morte
Ver comentários