Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Casal filmado a fazer sexo em barco durante assalto

Proprietário da embarcação ficou surpreendido ao verificar câmaras de segurança.
Pedro Zagacho Gonçalves 16 de Junho de 2017 às 09:23
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato
Casal de ladrões foi filmado no interior da embarcação em pleno ato

Will Coe, de Cairns, na Austrália, ficou destroçado ao descobrir que o seu precioso barco tinha sido alvo de um assalto e que os ladrões lhe tinham levado todo o recheio da embarcação. No entanto, ao verificar as câmaras de videovigilância do cais onde tem o barco ancorado, o australiano teve uma grande surpresa: os ladrões tinham feito sexo durante o assalto

As imagens, divulgadas depois pelo australiano nas redes sociais, mostram o casal em pleno ato no interior do barco, visível pela janela. Will conta que estava a ver as imagens para tentar descobrir que era o responsável pelo assalto quando viu os dois ladrões, um homem e uma mulher, a entrarem no barco, a despirem-se e a fazerem sexo no interior da embarcação.

"Acho que vou jogar o colchão para o lixo. Não posso mesmo ficar com aquilo depois do que aconteceu. Primeiro fiquei furioso, mas agora tenho que admitir que é muito engraçado", explica o australiano.

Assalto depois do sexo
Depois de acabarem, os ladrões reviraram o barco e levaram todos os objetos de valor no interior.

"Vai ser difícil passar uma noite lá dentro a tentar descansar depois de saber o que eles fizeram no meu barco", conclui Will Coe, que tinha comprado a embarcação há poucos meses.

A polícia australiana recolheu vestígios no local do crime e abriu uma investigação.

Will Coe Austrália Cairns crime lei e justiça questões sociais crime assalto sexo sexualidade
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)