Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Castelhano obrigatório

O Ministério da Defesa espanhol emitiu uma ordem que obriga os militares, independentemente da unidade ou quartel “dentro do território nacional”, a utilizarem exclusivamente o castelhano “em todo os actos, actividades e relações de serviço”.
13 de Janeiro de 2006 às 00:00
A norma é explicada numa carta assinada pelo subsecretário do Ministério, Justo Zambrana, que segundo a Imprensa espanhola de ontem foi enviada na quarta-feira ao chefe do Estado-maior da Defesa, general Félix Sanz Roldán.
A ordem surge quando ainda se mantém a tensão política em torno da prisão domiciliária do comandante do Exército, general José Mena Aguado, que considerou a eventual aprovação do novo estatuto para a Catalunha susceptível de trazer “graves consequências para as Forças Armadas”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)