Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Cem padres acusados

Mais de 100 padres irlandeses são suspeitos de ter abusado sexualmente pelo menos 350 crianças nos últimos 66 anos. A revelação é feita num relatório elaborado pela Arquidiocese de Dublin, que anunciou a criação de uma comissão para investigar os abusos. Também o governo vai lançar uma investigação aos abusos.
10 de Março de 2006 às 00:00
Mais de três por cento dos cerca de 2.800 padres que trabalharam naquela arquidiocese são suspeitos de ter cometido abusos, segundo o documento, para cuja elaboração foram analisadas fichas pessoais de sacerdotes desde 1940.
Até agora, foram condenados oito padres da Arquidiocese de Dublin por tribunais penais. Paralelamente, foram instaurados processos cíveis contra 32 padres, 40 dos quais estão ainda a decorrer. A diocese já pagou 300 mil euros em acordos extra-judiciais.
Também nos EUA multiplicam-se as acusações de abusos sexuais contra padres. Na quarta-feira, uma mulher processou o bispo William Skylstad, presidente da Conferência dos Bispos Católicos, por ter abusado dela há mais de 40 anos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)