Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Cheias inundam Moçambique

Pelo menos 22 pessoas morreram em Moçambique e milhares fugiram do país na sequência das fortes chuvas que têm vindo a inundar os arredores do sul africano e Malawi, anunciaram esta terça-feira fontes oficiais.
10 de Janeiro de 2006 às 18:06
O número de mortos tem vindo a aumentar de uma forma muito significativa desde que no passado dia 3 de Janeiro foram registadas 8 vítimas mortais. Os serviços metereológicos prevêem a continuação de fortes chuvas na região até ao próximo mês de Março, pelo que o Governo já decretou estado de alerta no país.
As chuvas já destruíram estradas, infra-estruturas e cortaram a distribuição de comida para cerca de 800 mil pessoas nas regiões de Sofala e Gaza. Recorde-se que em 2000, as inundações ocorridas em Moçambique tiraram a vida a cerca de 700 pessoas e desalojaram outras 500 mil.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)