Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

CHINA NO PROGRAMA EUROPEU DE SATÉLITES

A China tornou-se no primeiro país não-europeu a participar no programa de satélites Galileu. O acordo foi alcançado em Pequim e contou com a presença da vice-presidente da Comissão Europeia, Loyola de Palácio.
9 de Outubro de 2004 às 16:16
“O projecto Galileu é um dos que mais me orgulho e que tenho lutado em todo o meu mandato, e esta acordo é um salto qualitativo nas relações da Europa com este gigante asiático”, afirmou De Palacio.
A vice-presidente e o ministro chinês da Ciência e Tecnologia, Xu Guanhua, assinaram, em Outubro do ano passado, um primeiro documento político com o objectivo de colaborar na construção, desenvolvimento e promoção deste sistema de navegação por satélite.
Com este acordo, a China vai disponibilizar cerca de 200 milhões de euros para o projecto, num total de 3.200 milhões.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)