Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

China acolhe negociações entre Governo e oposição

Resolução baseia-se nos acordos internacionais.
21 de Dezembro de 2015 às 10:26
Wang Yi tornou pública a proposta da China em Nova Iorque
Wang Yi tornou pública a proposta da China em Nova Iorque FOTO: Eduardo Munoz/Reuters

O Governo chinês ofereceu-se para acolher as negociações entre representantes do Governo sírio e da oposição, visando uma "saída política" para o conflito que perdura há quase cinco anos, disse hoje o ministério dos Negócios Estrangeiros chinês.

"A China convidará representantes do Governo sírio e da oposição a visitar a China como forma de procurar uma saída política para o conflito", afirmou um porta-voz do ministério, Hong Lei.

O porta-voz não precisou se as negociações fazem parte do acordo aprovado pelo Conselho de Segurança da ONU na passada sexta-feira.

Wang Yi, o ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, tornou pública a proposta da China em Nova Iorque no passado sábado, após o Conselho de Segurança da ONU se ter reunido, visando pôr fim à guerra civil na Síria.

A resolução, aprovada por unanimidade, baseia-se nos acordos internacionais definidos no mês passado em Viena e que preveem o início de negociações, em janeiro, entre o regime sírio e a oposição e o estabelecimento de um cessar-fogo.

O texto estabelece um prazo de seis meses para que as duas partes designem um Governo de transição e de 18 meses para a realização de eleições.

O porta-voz chinês disse que o encontro entre o Executivo sírio e a oposição se realizará "em breve", e acrescentou que o ministério chinês informará sobre a reunião "no seu devido tempo", recusando avançar com mais detalhes.

Governo ministério dos Negócios Estrangeiros Wang Yi diplomacia distúrbios guerras e conflitos
Ver comentários