Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

China emite 100 mandados de captura

Corrupção e crimes económicos em causa.
23 de Abril de 2015 às 10:41
A figura mais importante atingida pela atual campanha foi o ex-chefe da Segurança Zhou Yongkang, preso em 2014
A figura mais importante atingida pela atual campanha foi o ex-chefe da Segurança Zhou Yongkang, preso em 2014 FOTO: Jason Lee/Reuters

A China emitiu mandados internacionais de captura de 100 pessoas acusadas de corrupção e crimes económicos, 48 das quais ex-chefes de departamentos da administração pública e empresas estatais que fugiram do país, anunciou esta quinta-feira a imprensa oficial.


Os mandados foram emitidos através do Gabinete Nacional da Interpol, com indicação dos possíveis locais de fuga e dos crimes que alegadamente cometeram, disse a Comissão Central de Disciplina do Partido Comunista Chinês (PCC), o organismo que está a conduzir a mais drástica campanha anticorrupção promovida nas últimas décadas na China. 


Segundo aquela comissão, 40 das pessoas procuradas fugiram para os Estados Unidos da América, 26 para o Canadá e "as restantes para a Nova Zelândia, Austrália, Tailândia, Singapura e outros países e regiões". 


Mais de 60% dos fugitivos, entre os quais 23 mulheres, são suspeitos de ter recebido subornos e de desvio de fundos, disse a mesma fonte.


Suspeita de corrupção
Milhares de funcionários chineses, dezenas dos quais com a categoria de vice-ministro ou superior, foram investigados por suspeita de corrupção desde que o atual presidente, Xi Jinping, assumiu a chefia do PCC, em novembro de 2012.


A corrupção é considerada uma das principais fontes de insatisfação popular na China e a maior ameaça à credibilidade do PCC e à sua manutenção no poder.


A figura mais importante atingida pela atual campanha foi o ex-chefe da Segurança Zhou Yongkang, preso em 2014 e publicamente acusado de corrupção, abuso de poder e divulgação de segredos de estado.

China mandados captura
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)