Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Chipre: Enviado da ONU confia na reunificação

O enviado das Nações Unidas para o Chipre, Lynn Pascoe, afirmou estar confiante nas perspectivas de reunificação da ilha.
2 de Abril de 2008 às 11:48
A ilha está dividida desde 1974
A ilha está dividida desde 1974 FOTO: d.r.

“Acredito que as duas parte, com a nossa ajuda, terão êxito e nós faremos tudo o que for possível para apoiar os dois líderes (o presidente da República do Chipre, Demetris Christofias, e o líder da República Turca do Chipre do Norte, Mehmet Ali Talat) a levarem a bom termo o processo de reunificação', declarou Pascoe, acrescentando estar 'muito encorajado' face às conversações que manteve em separado com os líderes cipriotas gregos e cipriotas turcos.   

O Chipre está dividido em duas partes desde que a Turquia invadiu o norte da ilha em 1974, em resposta a um golpe de Estado nacionalista cipriota grego apoiado por Atenas. A República Turca do Chipre do Norte, proclamada em 1983, é reconhecida apenas por Ancara, sendo que a República do Chipre, ao sul, é reconhecida pela comunidade internacional. Os líderes dos dois lados encontraram-se em Março e planearam abrir um ponto de passagem entre as duas partes da ilha na rua Ledra, uma rua de comércio muito movimentada situada no centro da capital dividida, em Nicósia. A cerimónia de abertura deverá ocorrer em breve.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)