Barra Medialivre

Correio da Manhã

Mundo
1
Siga o CM no WhatsApp e acompanhe as principais notícias da atualidade Seguir

Cidade da Sibéria regista temperatura recorde de -62º Celsius

Yakutsk já é conhecida por ser a mais fria do planeta Terra, onde os habitantes conseguem vender bens congelados, sem frigorífico.
Correio da Manhã 22 de Janeiro de 2023 às 11:50
Cidade de Yakutsk, na Sibéria
 Cidade de Yakutsk, na Sibéria
 Cidade de Yakutsk, na Sibéria
Cidade de Yakutsk, na Sibéria
 Cidade de Yakutsk, na Sibéria
 Cidade de Yakutsk, na Sibéria
Cidade de Yakutsk, na Sibéria
 Cidade de Yakutsk, na Sibéria
 Cidade de Yakutsk, na Sibéria
A cidade de Yakutsk, na Sibéria, bateu o recorde de temperatura mais fria alguma vez registada naquela localidade ao atingir os -62º Celsius. Esta cidade já é conhecida por ser a mais fria do planeta Terra, mas nunca tinha registado temperaturas negativas desta magnitude, de acordo com o jornal francês Le Figaro.

Este não é um fenómeno isolado, uma vez que por toda a Sibéria se registaram temperaturas abaixo do normal. Em Tongulakh, a 270 quilómetros de Yakutsk, os termómetros desceram até aos -62,4º Celsius.

"A onda de frio que passou pela Sibéria cobriu toda a Eurásia, com registo de temperaturas de -59º Celsius em vários locais. O ar frio arrefeceu inclusivamete a Índia, com registos de temperaturas invulgarmente baixas em Nova Deli", disse o especialista em meteorologia Régis Crépet na rede social Twitter.

As temperaturas estavam tão frias que um dos habitantes, Nurgusun Starostina, estava a vender peixe congelado no mercado sem necessitar de frigorífico ou congelador, diz a Reuters.
Yakutsk 62ºC Sibéria 62ºC. meteorologia questões sociais
Ver comentários
C-Studio