Cientistas criam coração em 3D com tecidos e células humanas

Investigadores esperam que o método esteja pronto a utilizar daqui a 10 anos.
15.04.19
Uma equipa de investigadores da Universidade de Tel Aviv, em Israel, apresentou esta segunda-feira um protótipo de coração impresso com recurso a tecnologias 3D, com vasos sanguíneos e tecidos humanos.

Durante a apresentação, os presentes tiveram oportunidade de ver um coração inerte, do tamanho de uma cereja, imerso num líquido. O pequeno órgão estava "completo, vivo" e palpitava como um coração normal.

O responsável da investigação, professor Tal Dvir, do Laboratório de Engenharia do Tecido e Medicina regenerativa, refere que "é a primeira vez que se imprime um coração integralmente com as suas células e vasos sanguíneos e que se utiliza matéria e células procedentes do paciente".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!