Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Colômbia: Explosão de motociclo fere sete

A explosão de um motociclo no município colombiano de Tame, noroeste do país, alegadamente perpetrado pelos guerrilheiros das FARC, feriu pelo menos sete pessoas feridas, entre as quais duas crianças.

17 de Outubro de 2010 às 12:13

Quatro militares e três civis, entre os quais dois menores de seis e 11 anos, foram transportados ao hospital depois da explosão do engenho num local conhecido como Porto Jordão, na zona rural de Tame, na região de Arauca.

Entre os feridos um militar ficou com queimaduras em 60 a 70 por cento e foi sujeito a intervenção cirúrgica.

Rafael Alberto Neira, comandante da brigada local do exército, responsabilizou, em comunicado, a frente 10 das FARC e disse que o ataque "representa uma violação dos Direitos Humanos e do Direito Internacional Humanitário".

O motociclo foi deixado dentro de uma casa e a explosão foi activada quando em frente passavam militares.

"As autoridades judiciais estão à procura do proprietário da casa e dos donos de uma loja das imediações que não estavam no local no momento da explosão", acrescentou Rafael Neira.

A região de Arauca é conhecida pelas actuações das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, do Exército de Libertação Nacional e de grupos paramilitares e narcotraficantes.  

FARC Colômbia Explosão
Ver comentários