Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

CONGRESSO ECUMÉNICO PERTURBA VATICANO

Berlim acolhe, até domingo, o primeiro e histórico congresso ecuménico convocado em conjunto pela Igreja Católica e Evangélica alemãs que contará inclusive com a presença do líder tibetano, Dalai Lama. O Vaticano parece não ter acolhido com grande entusiasmo o evento, tendo inclusive proibido os fiéis de participar numa missa conjunta.
30 de Maio de 2003 às 00:00
O Papa proibiu ofiéis de comungar em conjunto
O Papa proibiu ofiéis de comungar em conjunto FOTO: Max Rossi (Reuters)
Iniciado na quarta-feira à noite, com uma missa celebrada na Porta de Brandeburgo, o encontro conta com a presença de mais de 200 mil pessoas, que participam num total de 3200 eventos culturais e religiosos que se realizam um pouco por toda a Alemanha.
Desde uma celebração ao ar livre com o líder espiritual Dalai Lama, a concertos de música pop e rock, com as actuações dos Kelly Family e de Brenda Jackson, tudo serve para reunir as duas igrejas.
O Papa João Paulo II saudou o encontro considerando-o um sinal de que "a união da fé supera todas as diferenças", mas proibiu os fiéis católicos de comungarem com os protestantes nas missas ecuménicas.
EXPLOSIVOS NO ALTAR
João Paulo II, recorde-se, desloca-se aos Balcãs no próximo mês, em mais duas visitas pastorais à Croácia e à Bósnia. Ontem, no local onde vai ser construído o altar em Banja Luka onde o Santo Padre celebrará missa foram encontradas seis bombas e duas granadas do tempo da Segunda Guerra Mundial.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)