Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Coordenador antiterrorista da UE pede registo de passageiros

Registo de dados de passageiros aéreos até ao fim do ano para reforço da segurança.
30 de Novembro de 2015 às 17:36
O coordenador antiterrorista da União Europeia Gilles de Kerchove
O coordenador antiterrorista da União Europeia Gilles de Kerchove FOTO: EPA

O coordenador antiterrorista da União Europeia (UE) pediu hoje ao Parlamento Europeu que aprove até ao fim do ano o registo de dados de passageiros aéreos e o reforço da segurança nas fronteiras externas do Espaço Schengen.

Há muito defendido por vários países membros e pelo coordenador antiterrorista, Gilles de Kerchove, o registo de dados dos passageiros de avião (PNR, do inglês Passenger Name Record) tem sido crescentemente pedido desde os atentados de 13 de novembro em Paris, que fizeram 130 mortos. 

O sistema tem estado bloqueado no Parlamento Europeu (PE), que exige garantias da proteção desses dados, recolhidos pelas companhias aéreas durante o processo de reserva e registo - nome, data e itinerário, morada e número de telefone, número de cartão de crédito - e que passariam a ser transmitidos às autoridades.

Kerchove, que se reuniu hoje em Barcelona com o ministro do Interior espanhol, Jorge Fernandez Díaz, afirmou que o PNR é "uma ferramenta essencial".

"Espero que o Parlamento Europeu possa chegar a um acordo antes do fim do ano sobre um PNR eficaz", disse à imprensa.

União Europeia UE Parlamento Europeu Espaço Schengen Gilles de Kerchove Paris PE Barcelona terrorismo
Ver comentários