Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Coreia do Norte de novo sem internet

A Coreia do Norte já tinha ficado isolada da rede mundial na segunda-feira.
23 de Dezembro de 2014 às 19:25
O líder norte-coreano Kim Jong-Un
O líder norte-coreano Kim Jong-Un FOTO: Reuters

A Coreia do Norte estava de novo esta terça-feira privada de ligações à internet, um dia após um primeiro corte geral da rede que poderá ter sido efetuado por represálias ao ataque informático contra a Sony Pictures, referiu uma sociedade de cibersegurança.

As quatro redes de ligação norte-coreanas, que passam todas pelo gigante chinês das comunicações Unicom, foram colocadas fora de serviço às 15:41 (hora de Lisboa), após terem registado um sinal fraco, assegurou a sociedade norte-americana Dyn Research. A Coreia do Norte já tinha ficado isolada da rede mundial na segunda-feira, nove horas após ter sido acusada pelos Estados Unidos de fomentar uma vasta operação de pirataria informática contra a Sony Pictures. Os norte-coreanos negaram qualquer envolvimento no incidente.

No domingo, o Presidente Barack Obama assegurou que Washington iria retaliar contra Pyongyang, após a Sony ter cancelado a saída nas salas de cinema de "Entrevista que mata!", uma comédia que descreve uma tentativa de assassinato do líder norte-coreano Kim Jong-Un.

Na segunda-feira, o governo norte-americano assegurou que não possuía dados para comentar os problemas de ligação à internet na Coreia do Norte.

coreia do norte internet
Ver comentários